Menina trans de 13 anos, que sonhava em ser digital influencer, é espancada até a morte

spot_img
spot_img

Keron Ravach tinha 13 anos de idade, moradora de Camocim (CE), tinha o sonho de ser digital influencer. Menina trans, estava passando por seu processo de transição. Morreu na madrugada da segunda-feira (4), conforme noticiado por “O Povo”, depois de ser atingida com pauladas, socos, chutes e facadas. A delegacia da cidade investiga o caso, mas um adolescente de 17 anos já confessou o crime e diz que foi motivado por um “desentendimento”.

Não é o primeiro crime transfóbico em Camocim. Há 10 meses, a cidade perdeu Luana Kelly, de 22 anos, morta a pedradas e pauladas, deixando o Ceará em alerta contra a transfobia. E também não é o primeiro assassinato contra pessoas trans menores de idade.

Fonte: Mídia Ninja

spot_img

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Relacionadas

spot_img

Siga nossa redes

22,942FãsCurtir
3,429SeguidoresSeguir
20,000InscritosInscrever
spot_img

Últimas Notícias