ACM Neto deseja sorte a Jerônimo e diz que seu grupo fará oposição construtiva: ‘atenta à necessidade mudar’

spot_img
spot_img
spot_img
Foto: João Souza/g1

O candidato ACM Neto, do União Brasil, agradeceu os mais de quatro milhões de recebidos neste domingo (30), no segundo turno das eleições ao governo da Bahia, que terminou com a vitória de Jerônimo Rodrigues, do PT, com mais de 52%.

Após o resultado apontar vitória do adversário, ACM Neto fez um discurso de pouco mais de oito minutos onde além de agradecer os votos, desejou boa sorte a Jerônimo e disse que vai fazer uma “oposição construtiva” ao governo.

“Vamos continuar com a nossa luta e desejo tudo de melhor para o governador escolhido pelos baianos hoje, de maneira democrática, livre, justa, que deve ser respeitada”, disse ACM Neto.

“Nós, que, no caso, perdemos as eleições, estaremos acompanhando o governo, fiscalizando, cobrando as medidas necessárias como uma oposição construtiva, mas atenta à necessidade da Bahia mudar”, afirmou o candidato do União Brasil.

Acompanhado da candidata da vice-governadora Ana Coelho e do prefeito de Salvador, Bruno Reis, ACM Neto também falou que espera que Jerônimo possa “consertar” os rumos do estado.

“A Bahia precisa de mudança. Quase metade dos eleitores baianos disseram de maneira muito categórica nas urnas que desejam mudança e eu espero que o governador eleito tenha essa compreensão, entenda esse recado, assimile o que as urnas apresentaram no dia de hoje”.

Campanha eleitoral
Nascido em Salvador, Antônio Carlos Magalhães Neto, mais conhecido como ACM Neto, tem 43 anos. Ele foi prefeito de Salvador por oito anos, entre 2013 e 2020. A candidatura para a disputa do governo do estado foi lançada oficialmente no dia 5 de agosto, em Salvador.

Advogado formado pela Universidade Federal da Bahia, ele é neto do ex-governador da Bahia e senador Antônio Carlos Magalhães (1927-2007). Antes de ser prefeito de Salvador, foi eleito deputado federal pela primeira vez em 2002 e, depois, renovou mais duas vezes o mandato, como o parlamentar mais votado da Bahia.

Foi presidente do Democratas entre 2018 e fevereiro de 2022, quando o Tribunal Superior Eleitoral confirmou a fusão entre o partido e o PSL, autorizando a criação do União Brasil, do qual Neto é secretário-geral.

No primeiro turno, ACM Neto recebeu 3.316.711 votos e ficou em segundo lugar com 40,80%. Já no segundo turno das eleições, foram 4.007.023 votos, 47,21%.

FONTE: G1

spot_img

Comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

spot_img

Relacionadas

spot_img
spot_img

Siga nossa redes

22,942FãsCurtir
3,912SeguidoresSeguir
21,800InscritosInscrever

Últimas Notícias